SEIXOS OU PÉTALAS DE ROSA?


SEIXOS OU PÉTALAS DE ROSA?
Mensagem de Dreama Vance
10 de Abril de 2016.

“Amor, Perdão e Bondade.” Com estas três palavras o Mestre de Qigong (N.T: Qigong é o trabalho sobre o sopro vital), ligou-me ao seu ensinamento.
  
“A fonte do poder de cura do qigong é o amor incondicional, o perdão e a bondade”, ele dizia. Tendo estudado o qigong com dois outros Mestres em qigong e dois outros professores ao longo dos anos e nunca tendo ouvido qualquer uso destas palavras em seus ensinamentos, eu fiquei imediatamente cativado por este brilhante e pequeno Chinês. Sabia que, finalmente, tinha encontrado o Mestre de Qigong para mim.

Estas três palavras: amor, bondade e perdão são uma orientação para uma vida alegre e feliz. Quanto mais eu avanço em minha própria jornada espiritual, mas eu vejo como as ações destas três palavras: amor, bondade e perdão se assemelham diretamente com os resultados obtidos das ações: felicidade e alegria.

Aprendemos estes princípios quando crianças, mas algo acontece à medida que amadurecemos e descobrimos, como Scott Peck nos diz em “O Caminho menos percorrido: “A Vida é difícil.”

Todos os buscadores espirituais podem cultivar estas ações. Quando entramos em nosso espaço silencioso, podemos contemplar estas palavras. Enquanto vivemos a nossa vida diária, podemos colocar estas palavras em ação. À medida que colocamos estas palavras em ação, manifestamos a alegria e a felicidade que buscamos e que queremos experienciar nesta vida.

A maior parte da humanidade pratica o amor condicional. É, de fato, muito fácil praticar o amor condicional! É o amor condicional com que, às vezes, lutamos. No entanto, o amor incondicional é algo, eu descobri, que vem do Divino.

O amor incondicional flui através de você. Está sempre aí. Não precisamos realmente nos esforçar para experienciá-lo. Precisamos apenas nos ligar a ele. Precisamos apenas nos lembrar dele. Precisamos nos conectar com ele... e quando o fizermos... o poder desta energia nos deixará de joelhos.

Honestamente, quando você começa a praticar esta maneira de ser, é difícil não agarrar as pessoas na rua e abraçá-las. Você sentirá um imenso amor por tudo... por toda a humanidade. Você amará a Terra. Você a verá. Você verá a beleza como se nunca tivesse visto o mundo.

Eu ainda me lembro de uma professora de alimentos naturais falando sobre retornar à Rússia quando a sua mãe estava morrendo. Quando ela se sentou ao lado da cama, sua mãe estava entrando e saindo da consciência. Assim que ela pensou que a sua mãe tivesse dado o seu último suspiro, sua mãe abriu os olhos, olhou para ela e disse: Eu desperdicei uma vida inteira. Trata-se de amor.

Agora, a mãe era uma mulher bem sucedida. Ela era uma professora universitária e tinha vindo de uma família de filhos bem ajustados e bem sucedidos. Como ela podia ter pensado que tinha desperdiçado a sua vida? E, no entanto, é óbvio a partir de suas últimas palavras... “Trata-se de amor”, que ela tinha no fim, visto esta luz de compreensão que pode apenas vir do Espírito. A vida, de fato, refere-se ao Amor.

O perdão é muito importante tanto para o nosso bem estar emocional, quanto físico. Emoções desequilibradas desempenham um grande papel na criação de problemas físicos no corpo. É muito fácil perdoar pequenas coisas. E quanto às grandes questões? Há algo que alguém tenha feito que seja imperdoável? Pare e pense. Você está ainda arrastando a bagagem com você?

Se você acha impossível abrir mão da mágoa e da raiva, tenha esta intenção. Você sabe que precisa perdoar para o seu próprio bem. Assim, coloque a intenção que perdoará e, então, pretenda que você está perdoando esta pessoa. Pratique o perdão inúmeras vezes em seu espaço de silêncio, cantando: “Eu o perdôo.” Observe como o milagre do perdão se abre dentro de você. O perdão abre as portas para a libertação do espírito.

A Bondade é, eu acho, a mais contestável das três palavras em nossa vida diária. Das três palavras, a bondade é a palavra que nós colocamos em prática (ou não), enquanto seguimos vivendo a nossa vida. Tornamo-nos, como diz o Mágico de Oz, praticantes de boas ações. Atos explícitos de bondade são facilmente reconhecíveis. Mantenha aberta a porta para alguém que usa um andador. Torne-se voluntário em um hospital ou em um asilo. Adote um animal de estimação. Estes são atos de bondade.

Há, no entanto, níveis mais profundos e sutis desta energia. Ela se expressa através de nossa própria natureza à medida que amadurecemos em nosso crescimento espiritual. Começamos a ter consciência de nossas palavras e pensamentos.

Estamos jogando pedras (certo, algumas pessoas realmente atiram pedras) com as nossas palavras? Somos críticos de alguma maneira quando falamos com outros? Julgamos quando falamos de outros? O nosso próprio diálogo é negativo? A crítica construtiva é um paradoxo. Nossas palavras devem ser pétalas de rosa de bondade. Queremos nos elevar com as nossas palavras.

Enquanto esta energia se intensifica, ela se torna ainda mais sutil. Agora percebemos que não apenas queremos que as nossas palavras sejam o amor em ação, mas até mesmo os nossos próprios pensamentos estão sendo alcançados por esta energia de bondade. Esta energia começa a crescer de forma mais consciente. Ela começa a evoluir dentro de nós, exigindo gentilmente que seja expressa em nossos próprios pensamentos e palavras de expressão.

É incrível para mim como esta energia da bondade se desenvolve. Agora, em vez de “tentar ser agradável”, percebemos que esta energia está vivendo e se expressando através de nós. Ela é quase como um Anjo de Bondade que reside em nosso ser. Esta energia está muito conectada a um espírito pacífico. Acho que quanto mais a bondade é expressa, mais intensamente a paz se estabelece em nosso ser.

Assim, espalhe pétalas de rosa por onde passar, difundindo o amor, a bondade e o perdão ao mundo.

Experiencie uma vida de felicidade e de alegria!

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - http://www.decoracaoacoracao.blog.br
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - https://lecocq.wordpress.com
http://www.spiritualdynamics.net/wellness/rosepetals/
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Grata Regina!
Extraído de: http://stelalecocq.blogspot.com

Postagens mais visitadas deste blog

CÍRCULO DE LUZ E AMOR DE MARIA - MENSAGEM RECEBIDA AOS 07.03.2017 POR JANE RIBEIRO

DEZESSEIS SINAIS DE QUE VOCÊ É UM CURADOR

O Livro do Conhecimento: As Chaves de Enoch®