Pular para o conteúdo principal

GASPARETTO - VAMPIRISMO ENERGÉTICO



VAMPIRISMO ENERGÉTICO
Luiz Gasparetto


Existem situações em que nós, infelizmente, nos deixamos levar pelo outro. Assumimos a responsabilidade por terceiros e nossos centros de força passam a trabalhar para eles. Chamo esse fenômeno de vampirismo. Você não imagina como isso é péssimo para sua evolução. Você fica estagnada e se anula, abastecendo o outro com a sua energia.

É possível, sim, ir contra essa influência. Como sempre digo, deixar-se influenciar depende somente de sua postura, atitude e modo de encarar a vida. Porque não existe essa história de vítima. Ninguém vai sugar sua energia se você não deixar. O vampiro só existe se a pessoa for “vampirizável”.

Preste atenção. Cada vez que você se depara com um vampiro, seu sistema sente e dá um sinal de alerta. E ele tem a capacidade de expulsar essas interferências.

Então, assuma seu sexto sentido para dar um chega pra lá na negatividade. Só assim você conquistará a paz e chegará aonde quer. Mas prepare-se, pois existem várias versões de vampiros, que podem estar entre os amigos, no trabalho ou mesmo na família. Até você pode se identificar com alguns deles.

Olha só:

Vampiro cobrador

Ele já chega cobrando, antes de cumprimentar: “Pôxa, você nem me telefonou!”.

E, se você é cobrável, começa a se desculpar e acaba sob o domínio dele.
Cede de primeira e ele rapidinho a coloca na condição de devedora.

Pronto, é o suficiente para a aura dele engatar na sua.
Resultado: bate uma sensação de fraqueza, perda de energia. Chega a dar tontura.

E como cortar essa influência? Reagindo! Não dê atenção às cobranças. A defesa é questão de posse. A melhor tática para lidar com vampiro é encará-lo e falar a verdade, ainda que seja deselegante. Não se deixe constranger.

Vampiro crítico

É todo questionador: “Mas você vai sair assim?”, “Menina, como você fez aquilo?”.

Ele critica, e você, para agradar, se justifica, permitindo que ele seja seu juiz. É impressionante, qualquer crítica nos afeta! Não queremos que pensem mal da gente, e isso é uma dificuldade de se impor.

Pense: “Tenho minha visão e é ela que vale. O que o outro pensa não importa”.
Assuma e se banque já, para que o outro não roube seu entusiasmo.

Vampiro reclamador

O vampiro reclamador se queixa de tudo e quer sua atenção. Você comenta qualquer coisa, diz que precisa ir, mas ele te segura e insiste em reclamar. Daí, você se coloca no lugar dele e dá dicas de como ser otimista. É isso o que ele quer.

coitadinho precisa de seu socorro, sua companhia, sua vida. Esse tipo é comum entre os idosos. Reclamam que se doaram a vida toda para os outros, mas pagaram caro. E fazem joguinho: “Vai sair e me deixar sozinho?”. Com pena e achando que é sua responsabilidade, você cede. Grande tolice!

Vampiro desesperado

Tem também o vampiro desesperado, o mais comum, mimado, mas não “ajudável”, pois nunca faz nada por si. Ele quer que você faça tudo por ele e ainda arma escândalo, faz barulho e se desespera tanto que acaba te deixando aflita. Daí, ele fica aliviado, e você, agitada e ansiosa, com a aura dominada pela energia negativa.

Vampiro adulador

O vampiro adulador vem cheio de elogios: “Obrigado por existir. Você é a pessoa mais maravilhosa que conheço!”. Logo em seguida, vem a dentada. E por que ele quer pôr o seu ego lá em cima? Porque, quando mexe com sua vaidade, você não enxerga mais nada e se rende a qualquer pedido. Basta uma puxadinha de saco e você fica totalmente dominada. Cuidado!

Vampiro impotente

A frase típica do vampiro impotente é: “Eu não consigo”. Ele já chega com um ar de que nada dá certo. Se você tenta levantá-lo, ele reforça sua impotência. Uma vez, eu estava com uma pessoa assim e, logo que percebi sua postura, disse: “Sua vida está uma droga e acho que você não quer melhorá-la. Está falando isso com tanto prazer!”. Quando você bate de frente, o sujeito empalidece, perde o rumo. É o que basta para não se deixar sugar.

Vampiro desencarnado

Por fim, há o vampiro desencarnado, ou o encosto. Você está superbem e, do nada, fica irritada, crítica, começa a se cobrar ou sente outro desconforto. Se acontecer algo assim, pare e se pergunte: “Por que estou sentindo isso?”. Quando você descobre que se trata de um vampiro desencarnado, a questão está quase resolvida.

Alguns encostos percebem que você se ligou e vão embora. Uma pena que, na maioria das vezes, a gente não se dê conta da existência deles. Por isso, antena ligada. Para se defender, entenda que esse estado de ânimo não é seu.

Por favor, respeite todos os créditos ao compartilhar
http://stelalecocq.blogspot.com/2015/02/gasparetto-vampirismo-energetico.html
Fonte: https://revolucaodosindigos.wordpress.com/2014/07/23/vampirismo-energetico

Extraído de: http://stelalecocq.blogspot.com

Postagens mais visitadas deste blog

CÍRCULO DE LUZ E AMOR DE MARIA - MENSAGEM RECEBIDA AOS 07.03.2017 POR JANE RIBEIRO

Queridos irmãos e irmãs, Com as bênçãos da Mãe Divina. Amor e Luz, Jane Ribeiro                 Mensagem de Mãe Maria Amados Filhos, Que as bênçãos do amor tragam paz aos vossos corpos, mentes e corações. Vossa Mãe Terra passa pelo expurgo final de todo lixo que foi nela acumulado resultante dos pensamentos, sentimentos e ações de toda a humanidade. Seu corpo se sutiliza e se eleva as novas frequências de luz. É preciso, pois que possais acompanhar os passos da Mãe Terra, sutilizando vossos corpos pela purificação de toda densidade que acumulastes ao longo do tempo. Não adianta mais tentar postergar as mudanças que vossas almas estão a exigir de todos vós. É hora de concluirdes a limpeza, física, emocional e mental em vossas vidas, para que possais acompanhar e sedimentar as novas frequências que entram em vosso planeta. A nova grade cristalina se consolida em torno de vossa Mãe Terra e de todos vós, e este é o momentum da entrega, sim a entrega de vossos corpos a serviço de vossas almas que comp…

DEZESSEIS SINAIS DE QUE VOCÊ É UM CURADOR

DEZESSEIS SINAIS DE QUE VOCÊ É UM CURADOR Por Melanie Beckler
A primeira vez que alguém me disse que eu era uma curadora...
Eu pensei: “O que você quer dizer?”
“Você quer dizer que eu poderia ser uma curadora?”, perguntei.
Ao que ele respondeu: “Não, você já é uma curadora.”
Eu não sabia o que pensar.
Agora, eu compreendi que ser uma curadora é algo que assume muitas formas e cores...
E não há realmente uma compreensão clara do contexto completo do que significa ser uma curadora.
Assim, muitos curadores espirituais não têm idéia de que suas ações, trabalho e propósito, de fato, fazem deles curadores.
Claro, entendemos que os médicos, enfermeiros e curadores de energia são “curadores”.
Mas, como você aprenderá em minha nova mensagem, o que é preciso para qualificar como um curador, é muito mais amplo.
Assim, você é um curador? Realmente, há curadores ao seu redor. 
Defino vagamente aqui um curador como alguém que se ajuda, ajuda o outro, ou até mesmo o planeta a se alinhar mais com a verdade Divina,…

O Livro do Conhecimento: As Chaves de Enoch®

JJ Hurtak
O Livro do Conhecimento: As Chaves de Enoch® “Existe um trabalho dentro de todos os nossos corpos, um padrão com níveis de vibração única, e os nossos organismos controlam todas as suas funções, que são renovadas por algo chamado Linhas Axiatonal dos Meridianos e estas linhas Axiatonal não são limitadas, ou seja, não terminam em nossos corpos físicos mas estão abertas; estas ‘linhas’ realmente se estendem transpassando nosso corpo, e elas podem nos conectar mais plenamente ao universo. Quando o Homem descobrir a conexão entre o espaço de sua própria vida e as grades Axiatonal, a humanidade vai entrar num todo em um novo nível de ‘super’ ciência conhecida como a astronomia médica.
Astronomia médica refere-se a cura em todos os níveis, mente, corpo, espírito e fala sobre a mudança na formação adequada de nossos membros, sobre um passo à frente em um novo nível de interação consciente com o Universo . As linhas axiatonal sendo as linhas de grade do Universo, são…