LEVANTANDO-SE E SE AJUSTANDO ... E QUASE NO LAR


LEVANTANDO-SE E SE AJUSTANDO ... 
E QUASE NO LAR
Mensagem de Karen Bishop
2 de Março de 2014


Saudações e Bem-Vindos!

Embora este processo interminável seja o habitual, continuando aparentemente sem um final à vista, nós estamos realmente no fim, de uma estranha maneira, pois os últimos alinhamentos e ocorrências da energia estão todos relacionados a alcançar um destino final.

Este novo processo tem vários sinais de identificação que continuam a ocorrer, enquanto ancoramos tão plenamente quanto podemos, antes que as energias finalmente se elevem para revelar os nossos lares muito novos.

Os sinais de identificação:

1 – Os arranjos nos degraus vibracionais continuam a nos afetar, pois os degraus inferiores estão agora começando a realizar uma nova vida no mundo físico, criando uma expulsão de qualquer coisa que lá não pertença (pois estas energias que estão partindo têm uma vibração mais elevada e estão posicionadas para residir em outro lugar). Os degraus inferiores estão também preparando os seus novos espaços, pois eles agora sabem onde eles estarão residindo e estão sentindo o entusiasmo de todas as coisas que foram somente sonhadas e que agora estão vindo à forma.

2 – As energias mágicas estão sempre presentes agora para todos nós e podem ser vistas e utilizadas se optarmos por procurá-las.

3 – Cada indivíduo que reside no planeta está ainda experienciando as energias de impulso e de limpeza, pois não estamos ainda em nosso destino derradeiro para esta fase. Assim, desta maneira, ainda que uma alma esteja completa com o seu novo espaço, a pressão de cima ainda pode ser sentida.

4 – Estamos ainda nos movendo para o espaço, em alguns sentidos, e isto envolve separações de outros para alguns e a união com outros para outras pessoas (frase estranha... meu cérebro está atualmente desligado).

5 – Porque estamos entrando mais plenamente no espaço agora, aqueles que estão residindo nos degraus superiores, estão finalmente se aproximando mais dos seus novos lares, ainda que de estranhas maneiras, mas ficando mais próximos, no entanto.

6 – Tem havido uma quantidade considerável de movimento ultimamente... um movimento grande e profundo... e isto criou sentimentos estranhos e inquietantes para alguns. Sentimentos e experiências que não se encaixam em nenhuma categoria, pois eles são muito certamente, de outro mundo. Podemos nos sentir tão estranhos e ausentes, que simplesmente temos que nos deitar ou relaxarmos. Podemos nos sentir gravemente doentes, mas não podemos descrever como. Podemos ter quantidades incomuns de sono e de descanso. Estamos entrando em uma nova dimensão e esta experiência no plano físico nunca ocorreu antes.

No dia 27 de Fevereiro, as energias subitamente se elevaram. Pudemos nos mover mais livremente, respirarmos realmente e começarmos a experienciar este mundo muito novo. Mas, então, no dia 1º de Março, a pressão retornou e estamos de volta, novamente, ao que as energias opressivas continuam a criar.

Ainda que possamos sentir que não há nenhum final à vista e que estamos vivendo em algum tipo de estado inanimado e totalmente desagradável, as energias mágicas estão sempre presentes, se optarmos por reconhecê-las.

Eu tenho desenvolvido um novo estado de ser ultimamente, e isto muito me tem ajudado. Sempre que algo ocorre, que seja útil, maravilhoso, sustentador e adequado, eu comemoro. Percebi que eu celebrei tanto a cada dia, que é bem evidente que algo maravilhoso está cuidando imensamente de mim e garantindo que eu esteja tão confortável quanto possa estar, ainda que tenha parecido de outro modo, durante muito tempo.

A prece diária e a comunhão com Deus e os anjos é outra maneira de permanecer em um espaço maravilhoso, tanto quanto possível. Esta energia de amor está ao nosso redor. Ela a tudo permeia. E se optarmos por nos ligarmos a ela e fazermos dela a nossa realidade, em vez de nos concentrarmos em como podemos nos sentir desconfortáveis, poderemos permanecer conectados à energia do novo, a qualquer momento.

Estarmos intensamente mal humorados está ainda em primeiro plano, sem dúvida, e este estado de ser é também uma parte do processo.

Como estão aqueles que estão residindo nos degraus superiores, mais próximos do lar?

Para alguns de nós, podemos ter, recentemente, tocado os nossos narizes nos nossos novos lares, no plano físico, embora não possamos estar ainda lá, em todos os sentidos.

Para esta escritora, eu recebi um cutucão muito forte, indicando que era o momento para que eu avançasse do meu espaço temporário, na Califórnia, e durante várias semanas, a minha nova área me chamou, inúmeras vezes, assim eu fui.

Embora o plano da minha alma fosse que eu começasse uma residência ao Noroeste do Pacífico, neste momento, no processo da ascensão, meu coração estava ditando de outro modo. Estou agora de volta ao noroeste da Califórnia em meio às colinas que escoam mais amor do que eu já experienciei e entre os rostos sorridentes de quatro crianças incríveis.

Esta pequena cidade ao noroeste da Califórnia foi o melhor lugar que já vivi. Nos três anos que aqui vivi, eu declarava frequentemente que nunca viveria em outro lugar. Era como receber um imenso abraço de Brevard a cada dia, e eu não fui a única que comentava sobre o amor aqui nesta pequena cidade.

Não foram somente as pessoas muito especiais aqui, mas a energia da área também, com uma surpreendente floresta e infindáveis cachoeiras, e, é claro, um lugar perfeito para criar os filhos. “Não há nenhum medo aqui”, eu iria ouvir inúmeras vezes, e isto foi decididamente verdadeiro para todos nós.

Deus sabia para onde o meu coração estava me chamando. Ouvir o meu neto de 5 anos dizer ao telefone, um dia: “Vovó, você se lembra onde fica a nossa casa?”, foi muito difícil de suportar. À medida que o tempo se aproximava, e ainda que eu não lhes tivesse dito que eu estaria retornando (quem saberia, com certeza, das mudanças e transformações que o processo da ascensão criaria?), ele começou a chorar, algo que ele nunca tinha feito nos longos cinco meses de nossa separação.

Ao nível de sua alma, ele sabia. E agora, enquanto estou temporariamente na casa da minha filha, enquanto procuro outro lugar temporário, por apenas mais algum tempo, frequentemente me perguntam: “Você está partindo?”, do qual eu posso agora responder: “Não. Estou permanecendo com vocês, para sempre agora.”

Temos apenas uma pequena distância para seguirmos.
Os ajustes e retoques estão sendo feitos.

Tivemos realmente uma travessia, quando saímos de Janeiro, para Fevereiro e agora os últimos retoques estão sendo realizados, criando mais stress físico, limpeza e energia mais intensa do que já experienciamos, embora, ao mesmo tempo, estejamos realmente começando a viver dentro da nova estrutura de uma realidade muito nova. E o amor, o amor e mais amor, está sempre presente, como nunca esteve antes.

Do meu coração para o seu,

Karen

Por favor, respeite todos os créditos ao compartilhar.
http://stelalecocq.blogspot.com/2014/03/levantando-se-e-se-ajustando-e-quase-no.html
http://gamabooks.com
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Grata Regina!

Extraído de: http://stelalecoqc.blogspot.com

Postagens mais visitadas deste blog

CÍRCULO DE LUZ E AMOR DE MARIA - MENSAGEM RECEBIDA AOS 07.03.2017 POR JANE RIBEIRO

DEZESSEIS SINAIS DE QUE VOCÊ É UM CURADOR

O Livro do Conhecimento: As Chaves de Enoch®