O GRANDE SEXTIL DE 29 DE JULHO DE 2013 - 2ª Parte


O GRANDE SEXTIL DE 29 DE JULHO DE 2013 
2ª Parte
Mensagem de Jennifer Hoffman
30 de Julho de 2013

1ª Parte aqui


Em 29 de Julho de 2013, os planetas se alinham com uma mensagem para a humanidade, uma oportunidade para a ascensão e confirmação de nossa unidade, divindade e conexão. Esta é uma abertura para as dimensões mais elevadas, um portal que se forma como uma Estrela de David, que é como a nossa visão da 3D nos permite ver o Merkabah, ou corpo de luz que é uma pequena parte do dodecaedro maior, ou do polígono de 12 lados, que é uma pequena representação da Flor maior da Vida nas dimensões superiores.

Este alinhamento astral dá realce a um total de 10 planetas, incluindo os Nodos e Chiron, e está nos signos da terra e da água. Não estamos mais viajando entre mundos: estamos viajando entre universos.

A ancoragem e a cura são os focos para nós agora, não para curarmos o passado, mas como um meio para avançarmos. Acredito que seja imperativo estarmos ancorados em nossa cura, reconhecermo-nos como curados e íntegros (não precisamos de permissão para isto), e aceitarmos a nossa divindade.

Nosso propósito de vida é alinhar a nossa humanidade com a nossa divindade, criarmos espaço para o divino dentro de nós, para que resplandeçamos intensamente, de modo que nos tornemos a luz que somos.

Por quanto tempo escondemos a nossa luz?
Quando será o momento para que a deixemos brilhar.
Agora é um bom momento para começarmos.

Encontramos o mundo com os corações abertos e esperamos o mundo na forma de grupos de almas, parceiros, família e amigos, para reconhecermos e celebrarmos o nosso. Muitas vezes, contudo, nossos corações foram magoados e precisamos de cura como os deles e nunca encontramos o que queríamos ou conseguimos o que precisávamos.

Nossa para a cura foi longa e a cada novo relacionamento, situação e encontro, nós nos perguntávamos: ‘é nisto onde está a minha cura? será que conseguirei o que eu quero de você?”a cada vez que nos conectamos com um coração ferido, pensamos que o nosso trabalho é curá-lo, quando a nossa verdadeira mensagem é nos curarmos.

Esta cura acontece quando a declaramos realizada.
Estão preparados para fazer a sua declaração de cura?

O mundo, a evolução e a ascensão precisam da participação de nossos eus curados e íntegros, enquanto nos movemos de um universo na 3D para um universo multidimensional que existe no reino do potencial.

Enquanto falamos sobre o “universo”, como sendo tudo o que há para nós, somos uma parte minúscula de um multiverso (ou multiuniverso) muito maior, que é parte de um grande universo que contém todos os universos.

Podem imaginar um conceito tão ilimitado?
O que existe além do nosso universo?
O que está na próxima realidade?
Que potenciais permitiremos que se tornem possíveis para nós?

É um universo ilimitado, onde tudo existe e tudo é possível, somente a nossa crença na limitação e na falta nos impedem de sermos poderosos, criadores ilimitados, entrando e saindo destes potenciais ilimitados, expandindo-nos no fluxo da energia criativa, que é o que somos, de onde somos e para onde estamos indo e retornando.

O tempo linear está entrando em colapso e o nosso mundo está ficando menor, porque estamos mais conectados do que nunca. Mas o nosso universo está simplesmente dando outra volta em seu eixo, em resposta às aberturas que criamos para a 3D se expandir para dimensões superiores.

Embora não sintamos que estamos no controle deste processo, realmente estamos. Tudo o que fazemos que esteja em alinhamento com a nossa evolução e ascensão, acrescenta outra camada de potencial à expansão do nosso universo.

Quando estamos mais dispostos a liberar o nosso sofrimento e dor, abrindo os nossos olhos internos para um maior potencial para que a nossa luz brilhe no mundo exterior, entramos mais plenamente neste portal, permitindo-lhe que se expanda para nós, para a humanidade e para a Terra.

Quando eu estava dirigindo em todo o país há algumas semanas, estive pensando sobre o universo e recebi uma imagem de uma série de anéis multidimensionais, todos interligados e fluindo juntos. Cada um destes anéis era um universo separado. Em seus pontos de convergência, eles ascendiam e se tornavam uma nova série de universos.

Inicialmente, eu pensei que eles pareciam um toróide, como um donut, mas teve que se expandir para também incluir um mobius, um plano bidimensional que tem apenas um lado. Um mobius não tem início e nem fim, um toróide gira ao redor de si mesmo, expandindo-se e contraindo-se. Nosso universo é apenas um dos muitos mobius torodais, interligados, girando, ascendendo e fluindo juntos, para cima e para dentro, em uma massa de criação ilimitada.

Isto é o que os nossos muitos universos estão fazendo e, enquanto nos movemos através de diferentes fases da ascensão, temos que contrair para que possamos nos expandir, para alcançarmos um final, para que possamos nos expressar e nos expandirmos para um novo início. Isto é também um ponto de escolha, de ascendermos ou girarmos no mesmo círculo novamente.

Nós, individual e coletivamente, estamos neste ponto agora.
Alguns irão ascender para novas dimensões.
Outros irão decidir se eles querem dar a volta no círculo novamente.

Por onde começamos?

Onde quer que queiramos, e se é muito amplo ou vago, aqui estão algumas perguntas:

1 – Que permissão eu acho que preciso para estar na alegria em minha vida, ou para criar novos potenciais para a minha realidade?

2 – O que eu não mais preciso energizar em minha vida, porque não serve a minha intenção para a alegria?

3 – Há alguma área que não esteja em integridade ou alinhada com o que eu quero em minha vida?

Dica: Se isto não estiver acontecendo, vocês não estão alinhados com isto ainda.

4 – O que eu estou pedindo é verdadeiramente o que eu quero? Há algo que gostaria de pedir? Tenho a coragem de recebê-lo?

5 – Onde eu estou sofrendo, infeliz ou insatisfeito? Posso criar espaço para uma nova experiência em minha vida?

6 – O que existe além do meu universo, a realidade que eu conheço como a minha vida agora? Que outros potenciais são possíveis para a minha vida? O que existe além de minha cura? Posso me ver curado, íntegro e completo?

7 – Se eu soubesse que seria espetacularmente bem sucedido sem, absolutamente, nenhuma chance de fracasso, eu gostaria de................................................................

O que responderam na 7ª pergunta?
Este é o seu próximo passo.

As portas estão abertas e é o momento de reunir a coragem para passar por elas.

Se formos ver a progressão dos eventos desde 1962 (o início da Era de Aquário), a 1983 e a 2003, podemos ver como o mundo é realmente um lugar muito diferente, e estamos também muito diferentes.

Observem o quanto estamos mais ligados ao outro, quanto é maior a consciência de nós mesmos, como seres de alma, o quanto mais sabemos e compreendemos sobre alinhamento, energia, luz, o nosso caminho e propósito de vida e o nosso potencial.

O mundo é o que é e se não lhe dermos um novo caminho a seguir, ele continuará no mesmo caminho que sempre esteve. A energia da 3D está se auto-perpetuando, até que um novo caminho se abra. Esta é uma oportunidade para cada um de nós e para todos nós, criarmos este novo caminho para nós mesmos, para que nos movamos do coração para a alma, de curador a curado, de muitos para Um, do “eu” para “nós” e da limitação para o ilimitado.

As portas se abrem hoje. 
Tudo o que precisamos é ter a coragem de atravessá-las.


http://stelalecocq.blogspot.com/2013/07/o-grande-sextil-de-29-de-julho-de-2013.html
www.urielheals.com
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Grata Regina!

Extraído de: http://stelalecoqc.blogspot.com

Postagens mais visitadas deste blog

CÍRCULO DE LUZ E AMOR DE MARIA - MENSAGEM RECEBIDA AOS 07.03.2017 POR JANE RIBEIRO

DEZESSEIS SINAIS DE QUE VOCÊ É UM CURADOR

O Livro do Conhecimento: As Chaves de Enoch®