Pular para o conteúdo principal

DIÁRIO NA NOVA TERRA - PARTE 1


DIÁRIO NA NOVA TERRA - PARTE 1
Por Suzanne Lie PhD
Em 11 de junho de 2012



MINHA VIDA NA NOVA TERRA

Eu queria voltar para a Nave, mas então percebi que o que eu queria não é tão importante como o que eu vim fazer. Eu vim para estar entre Aqueles que vieram assistir na criação da Nova Terra. E como exatamente nós criamos a Nova Terra? Eu não sei. Os Arcturianos dizem que eu não sei, porque nós ainda não a criamos. Por outro lado, estou ciente de que existe um Plano Cósmico que é mantido desde antes do tempo, que inclui não somente nosso pequeno planeta, mas muito desde quadrante do espaço.

Eu também sei que nós entramos na realidade da Terra física para aprender sobre o livre arbítrio. A realização de por que nós escolhemos entrar numa realidade é o que nos permite sair de uma realidade. Nesta realidade em particular da Terra tridimensional, nós entramos para experimentar a intensa separação numa realidade extremamente polarizada. Assim, a realização da polarização e separação somente pode ocorrer pelo retorno à nossa total Unidade do Um.

Portanto, tenho muita certeza de que para engajarmo-nos conscientemente ao evento estelar de ascensão pessoal/planetária, nós devemos fazê-lo como UM Ser. Eu duvido que seja tão fácil como acordar numa manhã e todos os nossos hábitos de competição, comparação, individualidade e pensamentos e emoções baseados no medo estarem instantaneamente dissolvidos de nossa consciência. Se eu estiver errada e nós, de repente, despertarmos numa realidade totalmente nova, estou disposta a aceitar essa realidade!

Entretanto, nós não somos somente esta vida. Portanto, a transição pode ser bem mais complexa.

Nós escolhemos assumir um corpo neste planeta dentro deste AGORA da ascensão planetária. Nós temos praticado esse evento de ascensão por inúmeras encarnações e agora os ensaios gerais acabaram. Agora é hora do show!

Conseguimos nos lembrar de nossas falas? Conseguimos nos lembrar de ficar em nossas marcas? Conseguimos nos lembrar da nossa parte e do papel que escolhemos representar? Estas são questões que assombram todos nós que estamos conscientes da instantaneidade deste AGORA. Qual é a minha resposta para esta pergunta? Do que eu tenho me lembrado em toda essa recuperação e tudo que tenho estudado?

A resposta desta pergunta é: por que estou escrevendo isto, o que será? Uma história, uma grande exposição ou uma reformulação daquilo que já escrevi? Tenho escrito tanto, lembrado tanto, lido e estudado tanto. Agora tenho que reunir tudo em um todo coesivo. Agora, eu tenho que tecer minha tapeçaria de ascensão a partir de tudo que recuperei, lembrei e aprendi nesta realidade em particular e de alguma forma conectá-la com o UM da Nova Terra.

Somente posso explicar como estou sentindo com uma imagem que atualmente está em minha mente. Vejo-me com uma mochila enorme nas costas preparando-me para uma longa jornada. Porém, cheguei a um local em que minha jornada é toda montanha acima e minha mochila está muito pesada. Portanto, bem parecido com os membros das carroças que cruzaram o deserto da nova América, eu tenho que esvaziar minha carga.

Odeio deixar aquilo que tive de aprender a viver sem no lado da trilha, mas vou cruzar um deserto e não há outro lugar para deixar. Talvez alguém que viajar por esta trilha depois de mim encontrará utilidade naquilo que deixei para trás. Por outro lado, talvez eu esteja somente sujando. Eu não sei a resposta para este dilema. Com todos os meus anos e anos de "trabalho" para encontrar a Verdade, tudo o que sei é que eu não sei.

Eu não sei como cruzar essa fronteira invisível para a Nova Terra. Eu não sei como me entregar àquilo que eu não posso perceber - ainda. Portanto, eu terei que recorrer à minha imaginação outra vez. A minha querida imaginação, aquela que me fez parecer louca e me manteve sã. Então, apresento esta história através dos sentidos de minha imaginação. Não faço ideia do que vou escrever, pois nem tive intenção de escrever o que acabo de escrever.


Estou entrando no grande DESCONHECIDO, sabendo que já estou nele. Talvez, se eu começar por já estando na Nova Terra, eu possa me lembrar/criar de como cheguei aqui. Sim, eu SEI que já estou na Nova Terra. De fato, estou confiante de que nunca parti dela. Esforcei-me tanto para aprender a bilocar para outro lugar. É possível que se eu puder me lembrar de como bilocar aqui neste tempo/espaço, saberei bilocar de volta?

Novamente a resposta é "não sei". Entretanto, estou disposta a entrar nesse desconhecido e compartilhar minha jornada com quantos estiverem interessados. Se houver alguma coisa que deixei para trás, por favor, sintam-se à vontade de pegar e usar do melhor modo para vocês. Espero poder abrir uma trilha que responda nossas perguntas não feitas. Porém, isso não é importante. O que eu der ou receber desta jornada não tem consequência. Enquanto eu viajo para a Unidade de nós, minha contribuição se torna nula e vazia.

Portanto, eu nos verei na Nova Terra...

MEU DIÁRIO NA NOVA TERRA

Minha Entrada no AGORA

Já que eu sei que a Nova Terra é isenta de tempo, estou me aventurando a escrever cada entrada utilizando minha Comunicação Multidimensional, que é isenta de tempo, lugar, gênero, limitação, separação e medo. (Eu não sabia que ia escrever isso!) Espero que meu estilo de comunicação seja um que todos nós possamos entender. Visto que estou constantemente recebendo que é vital pensar multidimensionalmente para perceber multidimensionalmente, estou pensando/escrevendo com o conhecimento de que nós estamos em AMBAS, na Nova Terra e na Terra em Ascensão.

Como estou escrevendo dentro do AGORA, estou focalizando somente aquilo que está presente no meu Agora. Dentro do meu Agora eu estou ouvindo as muitas máquinas ruidosas do vizinho que está construindo uma casa nova. Este barulho está me lembrando de que nós também estamos construindo casas novas. Na verdade, nós estamos construindo mais do que casas novas, pois estamos construindo realidades novas. Já estou entendendo o benefício deste pensamento multidimensional, pois sinto uma unidade com aqueles (Opa! "Aqueles" é pensamento 3D) - estou sentindo uma unidade com os nós que temos/iremos/estamos lendo esta informação dentro da nossa Unidade.

Eu observo o que estou escrevendo e percebo que "eu" é pensamento tridimensional. Portanto, transmutarei "eu" no termo multidimensional "nós". Nós estamos em um limiar de Luz. Não estamos cientes de como chegamos aqui e isso não importa. Nós sentimos alegria absoluta e amor incondicional enquanto nós - todos os seres do corpo de Gaia - estamos dentro da Unidade da transição.

Pensar desta maneira é quase um desafio, mas eu/nós sentimos algo abrindo dentro de nossa Unidade. Poderia ser o Limiar? Porém, nós somos UM, então, nós SOMOS o Limiar em que estamos. Assim, nós nos entregamos à imagem de estarmos em um Limiar, que é unificado a tudo que sempre foi e tudo que ele revelará. Daí que nós estamos no Limiar de tudo que nós sempre fomos e tudo que nós revelaremos.

Nós sentimos um chamado para permanecer neste limiar, pois ele parece ser algum tipo de portal de download. Nós permaneceremos aqui neste Agora enquanto fazemos o download, integramos e transmutamos todos os resíduos daquela mochila cheia que carregamos por incontáveis vidas de aparente separação. Sim, no nosso Limiar nós estamos transmutando tudo aquilo que já percebemos como separação em unidade do nosso AGORA.

Bênçãos em Nossa Unidade

Fonte: http://suzanneliephd.blogspot.com.br/
Tradução: SINTESE http://blogsintese.blogspot.com/
Respeite os créditos

Extraído de: http://blogsintese.blogspot.com

Postagens mais visitadas deste blog

CÍRCULO DE LUZ E AMOR DE MARIA - MENSAGEM RECEBIDA AOS 07.03.2017 POR JANE RIBEIRO

Queridos irmãos e irmãs, Com as bênçãos da Mãe Divina. Amor e Luz, Jane Ribeiro                 Mensagem de Mãe Maria Amados Filhos, Que as bênçãos do amor tragam paz aos vossos corpos, mentes e corações. Vossa Mãe Terra passa pelo expurgo final de todo lixo que foi nela acumulado resultante dos pensamentos, sentimentos e ações de toda a humanidade. Seu corpo se sutiliza e se eleva as novas frequências de luz. É preciso, pois que possais acompanhar os passos da Mãe Terra, sutilizando vossos corpos pela purificação de toda densidade que acumulastes ao longo do tempo. Não adianta mais tentar postergar as mudanças que vossas almas estão a exigir de todos vós. É hora de concluirdes a limpeza, física, emocional e mental em vossas vidas, para que possais acompanhar e sedimentar as novas frequências que entram em vosso planeta. A nova grade cristalina se consolida em torno de vossa Mãe Terra e de todos vós, e este é o momentum da entrega, sim a entrega de vossos corpos a serviço de vossas almas que comp…

DEZESSEIS SINAIS DE QUE VOCÊ É UM CURADOR

DEZESSEIS SINAIS DE QUE VOCÊ É UM CURADOR Por Melanie Beckler
A primeira vez que alguém me disse que eu era uma curadora...
Eu pensei: “O que você quer dizer?”
“Você quer dizer que eu poderia ser uma curadora?”, perguntei.
Ao que ele respondeu: “Não, você já é uma curadora.”
Eu não sabia o que pensar.
Agora, eu compreendi que ser uma curadora é algo que assume muitas formas e cores...
E não há realmente uma compreensão clara do contexto completo do que significa ser uma curadora.
Assim, muitos curadores espirituais não têm idéia de que suas ações, trabalho e propósito, de fato, fazem deles curadores.
Claro, entendemos que os médicos, enfermeiros e curadores de energia são “curadores”.
Mas, como você aprenderá em minha nova mensagem, o que é preciso para qualificar como um curador, é muito mais amplo.
Assim, você é um curador? Realmente, há curadores ao seu redor. 
Defino vagamente aqui um curador como alguém que se ajuda, ajuda o outro, ou até mesmo o planeta a se alinhar mais com a verdade Divina,…

O Livro do Conhecimento: As Chaves de Enoch®

JJ Hurtak
O Livro do Conhecimento: As Chaves de Enoch® “Existe um trabalho dentro de todos os nossos corpos, um padrão com níveis de vibração única, e os nossos organismos controlam todas as suas funções, que são renovadas por algo chamado Linhas Axiatonal dos Meridianos e estas linhas Axiatonal não são limitadas, ou seja, não terminam em nossos corpos físicos mas estão abertas; estas ‘linhas’ realmente se estendem transpassando nosso corpo, e elas podem nos conectar mais plenamente ao universo. Quando o Homem descobrir a conexão entre o espaço de sua própria vida e as grades Axiatonal, a humanidade vai entrar num todo em um novo nível de ‘super’ ciência conhecida como a astronomia médica.
Astronomia médica refere-se a cura em todos os níveis, mente, corpo, espírito e fala sobre a mudança na formação adequada de nossos membros, sobre um passo à frente em um novo nível de interação consciente com o Universo . As linhas axiatonal sendo as linhas de grade do Universo, são…