Tudo que não é do Amor não Existe


Uma Mensagem de SAUL
Canalizada por John Smallman
04/04/2010

O Amor de Deus pela humanidade é incondicional, infinito, eterno e Ele anseia pelo seu despertar do sonho de sofrimento, luta e escassez na luminosidade feliz do dia eterno.

Seu lugar é lá com Ele onde se sente saudade de vocês.

O despertar é Desejo d'Ele e seu - então ele tem que acontecer.

Não há como evitá-lo.

A realidade ilusória na qual vocês estão vivendo suas vidas como um período longo e árduo de sofrimento e desapontamento não existe.

Permanecer nela é uma forma de negação em massa.

Devido às energias abundantes que envolvem sua ilusão, e que muitos de vocês estão acolhendo e usando para representar seu papel no plano divino para a humanidade, vocês não serão capazes de manter este estado obstinado de negação por muito mais tempo.

Alegrem-se!

O fim disso está se aproximando - e mais depressa do que vocês podem imaginar.

Aqueles que estão lendo esta mensagem de inspiração e estímulo, sabem que é inevitável o despertar do estado de profunda amnésia no qual vocês entraram.

Vocês escolheram vir jogar e explorar, mas vocês não acham mais o seu “playground” nem um pouco divertido, já que vocês acusam, julgam e condenam uns aos outros pelas situações e eventos que vocês imaginam que aconteceram e que os ofenderam ou lhes causaram sofrimento.


Enquanto vocês escolherem participar desses jogos prejudiciais - jogos que na verdade são bem repugnantes para vocês - vocês continuarão achando que a ilusão é real e universal.

A irrealidade disso tudo começa a se tornar aparente quando vocês principiam a questionar o conceito de que um Deus todo-poderoso de Amor incondicional e infinito poderia colocar alguém num ambiente que está totalmente em desacordo com a natureza divina d'Ele.

Durante éons, vocês têm se condicionado a acreditar que Deus é um Ser de imenso poder e autoridade, que gasta muito tempo observando seus pensamentos mais íntimos, comportamentos, atitudes e ações, e julgando-os severamente por eles.

E mais, vocês supõem que este "amoroso" Criador, então, passa a prescrever e planejar formas de tormento adequadamente corretivas, para lhes proporcionar angústia interminável como punição eterna - e merecida - pelos pecados que vocês cometeram e que O ofenderam profundamente.

Vocês supõem que após se separarem de seus corpos na morte, Ele lhes dará outros corpos novos nos quais, na infinita retidão d'Ele, Ele poderá infligir essas punições medonhas e bem merecidas.

Ou, se vocês acreditam que vocês são favorecidos por Ele pelo seu comportamento correto e então são salvos, vocês serão encaminhados para um paraíso de onde vocês poderão observar com satisfação os iníquos passando por suas justas solidões.

Mas lá no seu fundo, vocês temem que também sejam incluídos entre os pecadores, porque, claro, todos têm pecados.

Que pensamento insano e distorcido vocês têm usado para fabricar cenário tão horrendo: um Deus de poder ilimitado com necessidades emocionais e ímpetos de um bárbaro!

Como vocês podem acreditar que o ambiente em que vocês aparentam levar sua vida seria qualquer outra coisa além da mais perversa ilusão?

Deus é Amor infinito e incondicional - ponto final!

Tudo que não é do Amor não existe.

Deus é Tudo Que Existe, e, portanto, vocês devem ser parte d'Ele, Um com Ele.

Nada mais é possível, mesmo que remotamente.

Deixem seus medos; perdoem a si e aos outros, e permitam que o Amor de seu Pai entre em vocês e os despertem para que vocês possam novamente desfrutar da beleza incomparável da Realidade - sempre vivos na Sua Presença acolhedora.

Com muito amor,

Saul.

Fonte: http://johnsmallman.wordpress.com/

Tradução: SINTESE

http://blogsintese.blogspot.com/

Comentários