Aventuras do Novo Humano


AVENTURAS DO NOVO HUMANO:
REPETIÇÕES DE LIBERAÇÃO E TRANSFERÊNCIA
DE AUTORIDADE PARA A ALMA

Arcanjo Miguel

Canalizado por Meredith Murphy

Transmitido em 5 de abril de 2010

postado em 8 de abril de 2010 às 16:39



Meus bem amados,

Muitos de vocês estão vivendo ciclos enormes de liberação.

Isto inclui o passado vir à tona para ser curado e liberado.

O presente está mudando para um alinhamento mais perfeito conforme vocês liberam e se deixam reorientar para sua própria frequência natural e foco funcional.

O futuro está sendo mudado conforme seus sonhos e intenções, que vocês mantinham baseados naquilo que vocês denominariam eu "anterior" sentido como adequado e agradável, são recalibrados para apoiar seu sentido de função cada vez mais claro.

Conforme vocês dispensam mais tempo conhecendo-se como consciência unificada, conforme experimentam e se acostumam ao poder de usar as asas do Novo Humano, conforme dispensam mais tempo com seus corpos físico, emocional, mental e espiritual em unidade, orientados pelo seu chacra cardíaco, mais e mais a alma É o seu sistema de navegação para sua jornada.

E isto muda tudo!

Com um aumento na sua vibração vem um aumento na velocidade da experiência e manifestação e seu ponto de vista é expandido.

Se são capazes de confiar em si mesmos, naturalmente orientar-se-ão para essas alterações simultâneas e, por meio disto, terão um entendimento do que acontece na sua vida, do que altera e cria espaço, do que está sendo atraído e puxado para vocês para apoiar o desempenho da sua função - vocês serão capazes de sentir e conhecer tudo isso como um vetor unificado se movendo em alinhamento com o todo.

Quando, entretanto, vocês duvidam de si mesmos - e dependendo de onde isto ocorre - vocês podem ter seus corpos mental e emocional desalinhados com seu Corpo de Luz integral e isto cria muita confusão, desorientação e sensação de perda.

Sua Alma conhece sua função.

Ela gradua níveis adequados para realizar seu papel no processo da ascensão dimensional.

O Tudo-Que-É ou Espírito se entende como unidade.

E, nesta orientação, ele nada faz, ele simplesmente É.

O Espírito também desempenha certas funções - como o Arcanjo Miguel, por exemplo.

A porção do Espírito desempenhando o Arcanjo Miguel se modifica o tempo todo - já que esta energia entende a função do Arcanjo Miguel e retém a aparência de consistência e continuidade.

Dá-se o mesmo com vocês em suas várias encarnações do Espírito.

Vocês, em suas várias existências reencarnatórias (físicas e não físicas) co-ocorrem.

No gestaltismo do "VOCÊ", vocês reconhecem o "progresso da sua expressão funcional" e sentem uma sensação de gratidão ao comparar as circunstâncias "posteriores" às circunstâncias "anteriores".

As pessoas que vocês foram e são - isto se parece com a infância, da qual vocês se lembram, e que é uma parte integral de vocês, e mesmo assim tomou seu caminho próprio.

Vocês desempenham expressões diferentes, mas está tudo interconectado.

Sua experiência, inconscientemente, é claro, o desdobramento coletivo de todos esses aspectos de vocês mesmos, como também a perspectiva expansiva e unificada do Tudo-Que-É, orienta e informa o seu papel funcional em cada ponto de foco continuadamente.

O instantâneo compartilhamento desta informação e o modo como ela é conhecida, entendida, integrada e forma seu senso de foco e de desejo, está além da compreensão no seu atual corpo.

Saibam simplesmente que ele existe e que está sempre conectado ao que É e, como tal, o conhecimento oportuno e relevante sobre sua própria experiência está totalmente disponível para vocês.

Vocês precisam pedir e aprender a ouvir a si mesmos e a cultivar o modo pelo qual esta comunicação funciona melhor para vocês.

Por exemplo - pede-se a Meredith, através das muitas dissoluções de relacionamentos vividas, para observar esta aparente "tendência"...
Sabendo disto como sabem, que tudo isto está se alterando para alinhamento, o significado das dissoluções é simples; as funções não estão mais alinhadas.

As vibrações não estão mais sincronizadas.

O propósito de compartilhamento dissipou-se e/ou os indivíduos envolvidos mudaram para um novo foco como resultado de seus próprios crescimentos e não mais se trata da atual superposição funcional que havia tornado esse relacionamento tão fundamental na experiência.

Quanto mais se cresce e se expande, mais ajustes contínuos de relacionamentos devem ocorrer.

Para alguns este contínuo estímulo e realinhamento são renovadores e divertidos; sentir-se numa interminável experiência de expansão, reinvenção, criação - é uma excitante jornada realmente.

Em alguns de seus relacionamentos, vocês constantemente se inspiram e elevam um ao outro.

Seu propósito é contínuo e essas mudanças tornam-se meios de descobrir em conjunto e é um catalisador para cada um que vive uma vida mais feliz e realizadora.

Para esses, essas mudanças não são tão difíceis e nem são surpreendentes.

São para aqueles que gostariam de viver a ilusão de segurança e/ou para aqueles que desejam diminuir o ritmo de mudança e ter uma vida em que essas mudanças são difíceis e/ou evitadas/negadas.

O desafio vem quando um membro do relacionamento se alinha com um ritmo e uma frequência ou vibração que são significantemente mais rápidos ou mais lentos do que o do outro.

E é esta resposta diferente à vida que complica a conclusão natural ou a mudança de prioridades.

Aquele que está em sincronismo com o Tudo-Que-É sentirá suas prioridades realinhando-se, já que são mudanças significativas e já que a ascensão dimensional o aproxima de sua assinatura de alma e de sua própria função de estar encarnado mais diretamente no plano terreno.

Se estiver "associado" a alguém que não está alinhado ou significantemente relacionado a esta função emergente e ao estilo de vida, e, principalmente, se o parceiro não estiver passando por suas próprias mudanças e realinhamento, então primeiramente ele verá seu parceiro possivelmente sentindo-se "abandonado" - já que suas energias e foco estão retraídos ou diminuídos conforme mudam para o novo ponto de criação na vida.

Se isto é discutido, o corpo emocional pode ser provocado e normalmente, então, ocorre um desequilíbrio na frequência vibracional, já que o corpo emocional entra num sincronismo vibracional fora das faixas harmônicas com os corpos físico, mental e espiritual.

E agora a orientação é perdida. E isto leva a uma sensação de estar desconectado aquele que estava conectado e, portanto, modificado.

E aí há mais emoção e confusão.

E isto cria mais desequilíbrio ainda.

A solução é deixar ir.

Uma vez que vocês deixam ir, naturalmente vocês se alinharão com o seu sentido interno das coisas.

Permitam que as emoções fluam através de vocês, confiando no Tudo-Que-É e sabendo que está tudo bem, mesmo se vocês não entendem o que está acontecendo.

Quando estiverem reorientados para o eu e sua conexão interna, se o propósito que os levou a "se separarem" ainda estiver claro e presente, então permitam sua exposição no grau que vocês desejam e confiam para que tudo esteja bem para AMBOS, e para o Tudo-Que-É.

De novo, o desafio vem quando um membro do relacionamento se alinha com a paz e a frequência ou vibração, a qual é significantemente mais rápida ou mais lenta do que a do outro.

Vocês têm, naturalmente, sua própria frequência na qual vocês vibram.

Vocês podem não experienciar isto totalmente quando vocês não permitem uma conexão total com seu eu expandido, mas conforme bloqueios se clareiam e são removidos e conforme a alma ganha domínio sendo seu ponto de orientação, essas frequências naturais aparecem e não podem ser reprimidas, ou ajustadas significantemente para manter o ritmo com os outros, sem conter uma experiência significantemente negativa.

Deixem ir e SEJAM VOCÊS.

Confiem nesse caminho de ser e que tudo será atraído e alinhado com ele.

Amem tudo com curiosidade e interesse, esperando alguma coisa maravilhosa se revelar e exultar em sua própria função!

Celebrem a variedade de seus propósitos e faixas de revelação.

Convidem a graça para entrar na sua vida para amenizar tudo o que é externo, e simplesmente deixem ir.

Tornar-se o Novo Humano exige que vocês aprendam a viver a partir da perspectiva da alma, totalmente conscientes do seu poder inato e de sua conectividade, como também limpos e permitindo sua função exclusiva.

A sabedoria de como fundir sua função com o Tudo-Que-É, momento a momento e ponto a ponto, será clara a partir do seu interior; muito disto acontece sem a necessidade noturna de pedir - é um mero conhecimento não verbal, não intelectual que os orienta.

Vocês só precisam confiar no seu coração e ir encontrar a paz e o que é bom para, em seguida, estarem em sincronismo com este poder pessoal através da consciência do que são VOCÊS.

Percebam que há uma enorme variação em nossas funções e frequência!

Que seja?

Não.

Vão além - amem isto!

Para alguns a frequência natural é tão rápida que o que vocês experimentam com uma vida é conhecido no que vocês chamariam de um momento.

{Dá pra imaginar? Ha!}

Visto que todas as vidas são vividas simultaneamente, então, qualquer separação vivida é somente uma vida psicológica.

Suas "futuras" personalidades são tão reais quanto as suas "passadas".

Depois de um tempo, isto não mais os preocupará e vocês viverão cada vez mais "no fluxo", concentrados na atividade presente a cada ponto e na perfeita expressão do seu aspecto exclusivo fundindo-se e harmonizando-se com o Tudo-Que-É.

Estas mensagens, sua sensação interna das coisas, a combinação da realidade e vivência, estas mensagens de um sistema para outro ocorrem de vários modos continuamente, emergindo na sua experiência de uma forma ou de outra - como uma inspiração de muitos tipos.

Tudo é abertura.

A porta para a alma está aberta e ela leva a todas as dimensões da experiência.

A alma fica tanto dentro quanto fora do tecido da vida, tal como vocês a conhecem.

É o seu ponto de poder, paz, clareza e conexão.

Eu os convido a deixarem ir e serem a ALMA; serem o que vocês são.

EU SOU o Arcanjo Miguel.

Publicado por: Mavi Hostettler

Fonte: http://essencia.ning.com/

Comentários