Vocês são Seres Imortais de Infinita Perfeição

Uma Mensagem de Saul
Canalizador: John Smallman
14/03/2010

O Amor de Deus por vocês, por todos os filhos dEle, é infinito, contínuo, eterno.

Vocês vão despertar de sua terrível ilusão em um dia eterno de luz radiante.

Vocês sabem lá no fundo de vocês que esta é a Verdade, porque esse conhecimento foi colocado aí por seu Pai celestial e nunca será perdido.

Vocês são Um com Ele e, portanto, vocês nunca poderiam estar separados d'Ele; vocês simplesmente escolheram permanecer inconscientes disto.

Sim, isto é realmente uma escolha que vocês fazem a cada momento durante sua vida humana na sua realidade ilusória - e vocês não vão parar de fazer esta escolha.

Quando vocês a fizerem, a ilusão, que nunca existiu, terminará.

O que vocês procuram - o Amor eterno do seu Pai divino - vocês já têm e nunca poderão perdê-lo.

Apesar de parecer que vocês não o têm, ou que não o merecem, não é este o caso.

É uma ilusão - digamos, que vocês têm que procurar e merecer o Amor do Pai.

Na ilusão vocês estão constantemente julgando e encontrando falhas, e então vocês assumem que seu Pai faz o mesmo numa escala infinitamente maior.

Mas, claro, Ele não o faz; Ele nem poderia fazer porque Ele é Amor incondicional infinito.

Ele nunca os perdoará porque não há absolutamente nada que vocês tenham feito, ou poderiam fazer, que necessite do perdão d'Ele.

Ele os criou perfeitos e vocês permanecem perfeitos eternamente.

Por conseguinte, não há nada - absolutamente nada - que vocês possam fazer seja para ofendê-Lo ou para se tornarem merecedores do amor d'Ele.

Se houvesse, significaria que vocês são menos do que perfeitos, e isto é impossível.

Na sua realidade ilusória, onde parece haver vastos oceanos de pecado e incontáveis multidões de pecadores, vocês ficam se imergindo em dúvida e medo e então vocês atacam, traem e enganam uns aos outros numa luta sem sentido contra a morte.

Vocês não podem morrer - vocês são seres imortais de infinita perfeição e, ainda assim, vocês continuam escondendo este conhecimento de si mesmos conforme vocês projetam seus medos e veem-nos refletindo por todos os lados de volta para vocês.

Vocês têm assistência ilimitada dos seres dos reinos espirituais - santos, anjos e guias - e de muitos mestres e guias iluminados que escolheram entrar na ilusão como humanos para ajudá-los.

Vocês não estão abandonados ou perdidos, mas estão escolhendo chafurdar em sensações ou mau humor que tentam persuadi-los de que vocês estão sim.

Vocês sabem que o mau humor passa quando vocês não se prendem nele, mas sim, permitem que ele se vá naturalmente.

Vocês podem estar deprimidos e aí algum evento inesperado e animador acontece.

E seu humor muda dramaticamente para melhor.

Focalizem naquilo que vocês têm - a divina dádiva da vida - e dediquem-se totalmente a ela.

Essa dádiva é a chama que arde eternamente dentro de vocês - e ouçam àqueles que estão com vocês sempre ajudando no seu despertar.

Livrem-se das distrações ilusórias que tentam convencê-los de que a vida é uma série interminável de reveses e desastres pessoais e planetários.

Elas reduzem sua assinatura energética e os encoraja a dedicarem-se mais ainda a essas distrações, até que vocês praticamente se convencem de que a ilusão é real.

Ela não é.

E vocês nunca conseguirão se convencer totalmente de que ela é; entretanto, vocês podem se manter voltando a se dedicar, a jogar e a focalizar sua atenção na ilusão, quase que totalmente.

É praticamente a mesma coisa que assistir a um filme de horror, a um filme de guerra, ou ao noticiário, e acabarem envolvidos emocionalmente com o que está passando.

É exaustivo e inquietante, e após pararem de assistir, pode levar um tempo considerável para se livrarem da energia negativa ou do humor que vocês absorveram enquanto assistiam.

E se sua atenção foi mesmo capturada, vocês podem se pegar lembrando ou reproduzindo partes daquilo em sua mente e afundando-se novamente naquele mesmo humor sinistro.

Vocês precisam se liberar, se afastar dessas distrações, e produzir uma intenção forte de focalizar a beleza e a maravilha em suas vidas.

Elas sempre estão aí - é que vocês normalmente não prestam atenção a elas.

Então comecem a prestar.

Façam o compromisso de verem a beleza e a maravilha; de beberem-nas sedentos, entusiasticamente.

Conforme vocês se comprometem a fazer mais e mais, a cada vez sua habilidade de focalizar se fortalecerá e intensificará, e vocês acharão mais fácil se manter essa consciência.

E então, isto os levará para fora da ilusão, preparando-os para o seu vindouro despertar.

Com muito amor,

Saul.

http://johnsmallman.wordpress.com/2010/03/14/you-are-immortal-beings-of-infinite-perfection/

Fonte: http://lightworkers.org/

Tradução: SINTESE

http://blogsintese.blogspot.com

Comentários