Como se dá a Iniciação no Ser


A iniciação no ser dar-se pelas transmutações advindas dos trabalhos em seu cadinho e de forma gradual quando o neófito resolve conhecer-se a si mesmo. Este processo iniciático ocorre numa seqüência, tendo por base uma programação em suas células genéticas cósmicas, pois o cosmos como natureza maior, tem este objetivo a toda sua criação/ criatura e o momento está na sincronia do próprio cosmos que a tudo geometrizou e rege.
Num plano maior vejo o cosmos como uma grande família convivendo um manvantara. Viemos e retornaremos juntos na mesma família. Um ponto, uma fonte Nous com suas ramificações ambas conectadas a fonte/Nous.

Escrever já não é difícil..........................Eram tantos questionamentos
Para alguém que descobriu,....................Necessários ao duvidoso,
Todo o fio da meada..............................Que até no plano matéria
Quando apelou ao desafio.......................O caminho era penoso.

Neste processo o buscador morrerá para o mundo da materialidade, mundo este onde a ilusão prevalece encoberto por maia e na continuidade de sua iniciação, vai perder seus aspectos individuais, adquirindo outros sentidos onde encontrará o sagrado, o imutável onde se identificará com sua essência pura, imortal do qual é constituído.

Foi quando então preciso........................É a dita experiência
O tal inferno passar,..............................Difícil de acreditar,
Passou e vitorioso.................................Mas se estamos preparados
Regressou para contar...........................No retorno vais vibrar.

É uma viagem interior, além do além onde terá consciência e conhecimento de outras realidades encobertas pelas ilusões dos sentidos objetivos/véu de maia.

Quando sentes o momento.....................Tudo passa num relance
Desta tal de experiência,........................Da santa luz para as trevas,
Podes crê que se aproxima......................E quando te das por conta
A noite que não é benta..........................As feras já estão bravas.

O processo iniciático requer abstenção de eventos já que os apegos devem ser deixados de lado para que o discípulo se depare com vazios que serão preenchidos por verdades que sempre existiram mas que a cegueira e a ineficiência de nossos sentidos físicos nos ofuscavam a grande verdade. Estas verdades eternas passarão a fazer parte consciente de seu ser agora a despertar e este despertar virá enriquecido de potencialidades então ocultas mas que agora começam a lhe revelar a grande verdade.

Levas então um tal susto........................Quando então decidido
Que abres mão do teu mundo,.................Tomas consciência do fato,
È como se neste momento......................De repente é como se
Te preparas para tudo............................Abrisse um véu do passado.

A medida em que os degraus são galgados, as falsas ilusões irão dando lugar a um mundo de verdades absolutas e o neófito, agora consciente das responsabilidades, vai se tornando uma referência para o seu entorno.

Morres pois para a matéria......................No entanto esta passagem
Transmutando energias,..........................Ocorre em outra dimensão,
Passando da realidade física.....................Mas o reflexo é tão forte
Para o estado de alegria..........................Que mudas as tuas ações.

Esta caminhada não se dará de forma simples mas pelo contrário, provas, méritos lhe serão exigidos pois o ser precisará atingir até estados de supra humano na sua transcendência.

Passas a te conectar .............................Daí recebes chamados
Com as forças construtivas,....................E sabes de onde vêm,
Fazendo as vezes contatos......................Podemos crer serão Eles
Com luzes evolutivas.............................Os irmãos que te provêm.

Um momento de extrema coragem mas que se dará de forma suave e até automática será quando ele terá que descer aos infernos e renascer num novo homem, o homem neo-fito o novo ou a nova árvore do conhecimento.

Passas a ter companhia..........................Outros virão te indicar
De seres aqui encarnados,.......................A melhor ocasião,
Que já passaram por isso........................De continuares na senda
E hoje servem calados............................Pois também já és irmão.

Esta transmutação vai se realizando de forma paulatina até que, discípulo preparado, o mestre ressurge de suas próprias cinzas, pronto para recuperar seu estado de ser total com todas as suas possibilidades humanas e divinas.

E outros que aqui já não vibram..............Agora que já ouviram
Nesta freqüência terrena,......................Esta tal situação,
Dominando a maestria..........................Procurem se preparar
Te falam com voz mui serena.................No servir com o coração.

Finalmente ao atingir o ápice da montanha sagrada será considerado um ser em seu estado original, com a sabedoria aflorada e consciente do seu plano terreno e seus compromissos com o seu eu divino/humano e irmanado, conectado com a mente dos ascenssos. Um filho pródigo que retornou a casa paterna.
Um servidor da LUZ
Fpolis-28.10.09
Benivio Valentim.-

Comentários

Postar um comentário